Arquipélago de Chagos
Arquipélago de Chagos

Até os dias atuais, existe muita controvérsia envolvendo qual nação possui, de fato, controle sobre o Arquipélago de Chagos. A briga é entre o Reino Unido e as Ilhas Maurício, ambas considerando que o arquipélago faz parte de seu território.

Tudo começou no século 15, quando exploradores passaram a desbravar aquela região. Eles mapearam pela primeira vez as Ilhas Maurício e as demais ao redor. Depois que os holandeses colonizaram as ilhas, os britânicos tomaram controle da região, em 1810. A partir daí, as Ilhas Maurício estavam sob domínio britânico.

Enquanto isso, a economia do Arquipélago de Chagos se sustentava graças ao comércio com as Ilhas Maurício. Isso fez com que os dois territórios tivessem uma relação de sustentabilidade bastante particular. Então, o Reino Unido também considerava o Arquipélago de Chagos como território seu.

Em 1968, as Ilhas Maurício conquistaram sua independência do Reino Unido. E, a partir daí, a situação do Arquipélago de Chagos se tornou incerta.

O Reino Unido propôs continuar no controle dele após a separação das Ilhas Maurício. Acredita-se que isso tenha sido uma pressão por parte dos EUA, que viam na localização do arquipélago uma vantagem militar. No entanto, o governo mauriciano não se convenceu totalmente sobre abdicar este território. Foram realizadas muitas conversas entre partes diferentes de ambos os lados, mas o resultado nunca foi conclusivo.

Em 2010, as coisas mudaram um pouco: o Reino Unido instituiu uma área de proteção nacional no território do Arquipélago de Chagos, o movimento mais significativo na questão territorial já feito até então. Cinco anos depois, o Tribunal Permanente de Arbitragem determinou esta ocupação como ilegal. Vamos continuar acompanhando esta disputa para ver qual será o destino do Arquipélago de Chagos.

Este artigo foi retirado do antigo site. Sua autoria é dos Schurmann.

Deixe uma resposta