Oceania

A monarquia é uma forma de governo que ainda existe em muitos territórios do mundo. Na Oceania, é possível notar algumas nações que possuem seus reis.

Existem muitas nações que integram Commonwealth britânica. Ou seja, tecnicamente, a Rainha Elizabeth II é a soberana de muitas nações da Oceania. É o caso, por exemplo, da Austrália, Nova Zelândia, Papua-Nova Guiné, as Ilhas Salomão e as Ilhas Pitcairn.

Ao passar pelas Ilhas Samoa, o nosso próximo destino fica nas Ilhas de Tonga, ao sul. O Rei Tupou VI está no trono desde 2012. A monarquia em Tonga é herediátria, com prioridade aos homens da linhagem. Antes de Tupou VI, quem reinava era o seu pai, Tupou V, que faleceu em 2012. Antes dele, houve o longo reinado de Tupou IV, que ficou no trono de 1965 a 2006.

Existem ainda reis que governam os seus povos mas não são tecnicamente soberanos de suas nações. É o caso, por exemplo, de Wallis e Futuna, uma coletividade de ultramar da França. Apesar deste vínculo, o território possui três (!) reis que governam cada uma de suas subdivisões.

Wallis e Futuna ficam a aproximadamente 400 milhas a oeste das Ilhas Samoa. O governo francês do presidente François Hollande é representado por um Administrador-Superior. Existe ainda um Conselho do Território, integrado por estes três reis e três membros indicados pelo Administrador-Superior.

Em nossas viagens pelo mundo, entramos em contato com diversas formas diferentes de governos. Quem diria que existe um país com três reis? Continue acompanhando as nossas aventuras por aqui e bons ventos!

Este artigo foi retirado do antigo site. Sua autoria é dos Schurmann.

Deixe uma resposta