Água viva Juba de leão

A briga pelo posto de maior animal dos oceanos nunca foi tão disputada. Era quase um consenso que a detentora do título era a baleia azul – um gigante que pode alcançar cerca de 30 metros de comprimento e pesar até 180 toneladas. Mas estudos recentes apontam que outro animal pode superar o mamífero marinho.

Vivendo no Atlântico Norte, uma água-viva (espécie gigante de medusa) conhecida como “juba de leão” pode atingir cerca de 2 metros de diâmetro, com tentáculos gigantes que chegam a atingir 36 metros – o equivalente a um prédio de 14 andares ou quase o mesmo tamanho que a maior baleia azul já vista!

Os tentáculos dessa água-viva são cobertos com perigosas toxinas, que podem paralisar a vítima e causar paradas cardíacas. As reações são menos intensas se as pessoas afetadas não forem alérgicas ou receberem a toxina em excesso.

Mas a concorrência da água-viva não tira o mérito da baleia azul: ela ainda é o mais ruidoso animal do planeta – seus sons podem atingir 188 decibéis e ser ouvidos a 800 km de distância – um ruído mais intenso que os da turbina de um avião! Além disso, somente o seu coração tem o mesmo tamanho de um fusca.

Independente do vencedor, uma coisa é certa: os dois são graaaaandes candidatos ao pódio, não é mesmo?]

Artigo retirado do antigo site. Sua autoria é dos Schurmann.

Deixe uma resposta